insônia

Insónia – Distúrbio do Sono 

Postado em

Será que sofre de Insónia?

INSONIAAAFG

Considera-se que uma pessoa sofre de insónia quando regular e continuadamente ocorre uma, basta uma, das situações:
Demasiado tempo para adormecer
Dificuldade em dormir a noite toda
Sonhos e pesadelos nocturnos
Necessidade de levantar a meio da noite
Afectando cerca de 20% da população nos países ocidentais a incidência da insónia é mais expressiva em ambientes urbanos em pessoas do sexo feminino e em idosos.

Não sendo uma doença em si, a insónia é antes uma condição que resulta de factores múltiplos, pelo que a cura deve incidir na eliminação das causas.

Problemas associados à insónia

Stress, ansiedade e depressão
Adolescência ou envelhecimento
Cafeína, nicotina e álcool
Alguns medicamentos
Dores, problemas respiratórios e digestivos.
Hábitos de sono irregulares
Insónia e Medicina Chinesa
Para além do repouso físico e psíquico que o sono proporciona, enquanto dormimos ocorrem processos metabólicos essenciais que contribuem para o crescimento harmonioso do organismo (crianças e adolescentes), para o equilíbrio energético necessário a uma vida saudável e para o desenvolvimento da intuição e criatividade da mente.

A mais antiga literatura de Medicina Chinesa, o Tratado de Medicina Interna do Imperador  Amarelo, 3.000 anos A.C refere já influência de cada tipo de desarmonia, excesso de yin ou de yang, na qualidade do sono e na forma como se manifesta a insónia.

Segundo a Medicina Chinesa, os casos de insónia estão associados a distúrbios energéticos no coração e no fígado.

16716407_5UTnz

A energia yin do fígado está ligada às emoções e à nossa atitude perante o mundo, pelo que o stress ou perturbações emocionais afectam a qualidade do sono e provocam insónia.

A energia yang do coração, ligada à razão, quando em excesso entra em conflito com o fígado, perturbando o equilíbrio necessário ao sono.

Cansaço, preocupações e stress podem prejudicar o baço e o pâncreas causando deficiência do sangue e consequente insónia.

Alimentação irregular ou excessiva debilita o baço e provoca humidade e calor no estômago que sobe, perturbando a mente.

Tratamento da Insónia com a Medicina Chinesa

Antes de iniciar o tratamento da insónia o Especialista em Medicina Chinesa efectua um rigoroso diagnóstico energético utilizando técnicas específicas que passam pela interpretação de sintomas, de aparências e de sinais subtis do corpo.

Os métodos mais utilizados pelo Especialista em Medicina Chinesa no tratamento da insónia são a acupunctura, fitoterapia e a dietética.

INSONIA_11476_15982

No tratamento da insónia, o número de sessões é variável, dependendo da gravidade dos sintomas e da resposta do organismo ao programa terapêutico.

Existem inúmeros casos clínicos de sucesso no tratamento da insónia com importantes benefícios para a qualidade de vida dos pacientes.

Vantagens da Medicina Chinesa no tratamento da insónia:

Sem químicos
Sem efeitos secundários
Sem ansiedade, sem stress
Efeitos permanentes
Liberte-se da Insónia sem químicos, sem efeitos secundários.

CINCO EFEITOS COLATERAIS MAIS COMUNS DA ACUPUNCTURA.

Postado em

A Acupunctura pode influenciar a sua qualidade de vida!

ACUPUNTURA
Esqueça tudo o que lhe disseram! A acupunctura tem efeitos colaterais. As consequências não intencionais da acupunctura, embora não sendo fatais, não devem ser desprezadas. Os efeitos colaterais da acupunctura ocorrem com frequência e podem influenciar seriamente a sua qualidade de vida.

Aqui estão os cinco efeitos colaterais mais comuns da acupunctura. Considere-se avisado!

Dormir Melhor

A insónia é uma das queixas mais comuns tratadas por acupunctores e a acupunctura pode ser altamente eficaz no seu tratamento. Mas a acupunctura conduz a noites mais bem dormidas, mesmo em pessoas que não reconhecem que têm um problema de sono. Esta melhoria passa muitas vezes despercebida até o terapeuta perguntar durante uma consulta de acompanhamento.

Mais energia

Embora seja comum sentir-se mais relaxado e um pouco atordoado imediatamente após o tratamento de acupunctura, o efeito seguinte é, geralmente, de aumento da energia. Muitas pessoas dizem ter mais energia nas horas, dias e mesmo semanas após o tratamento de acupunctura.
Você poderá perceber que já não tem aquela quebra depois do almoço, que tem mais vontade para ir ao ginásio, mais energia ao longo e durante o dia.

Clareza mental

A acupunctura resolve a estagnação que faz com que muitos de nós se sintam parados física e mentalmente. Além da onda de energia física que se segue aos tratamentos de acupunctura, muitas pessoas ganham também maior clareza mental. Tornam se capazes de tomar decisões mais rápidas e com maior confiança. Sentem-se mais motivados para resolver problemas que estão na sua lista há meses. Ou seja, a acupunctura limpa as teias de aranha mentais . De repente, você é capaz de seguir o seu próprio caminho.

Melhor digestão

Os órgãos e meridianos que regulam a digestão estão intimamente ligados a todas as outras estruturas e funções do nosso corpo. Assim, a sua saúde digestiva diz muito sobre o seu estado geral de saúde. Esta é a razão pela qual os acupunctores perguntam detalhadamente sobre os hábitos alimentares e os movimentos intestinais dos pacientes. É também comum que comece a utilizar a casa de banho mais regularmente, que senta menos inchaço após as refeições e que tenha menos problemas a nível alimentar.

Menos stress

A redução do stress é uma causa comum para a procura da acupunctura. No entanto, nem todas as pessoas admitem ou sentem que têm uma vida stressante. Estão tão habituadas a viver sob um certo nível de stress que se torna “normal” na sua rotina; só na ausência deste é que percebem como eram stressadas e ansiosas.
A acupunctura aumenta a consciência do indivíduo, logo as situações stressantes que inicialmente eram sentidas mais intensamente, tornam-se menos intensas uma vez que a acupunctura nos prepara para gerir os aspectos stressantes das nossas vidas.

Como pode constatar, a acupunctura tem efeitos secundários que podem influenciar e melhorar significativamente a sua qualidade de vida. Mas nada melhor do que experimentar por si mesmo!

Adaptado de 5 Most Common Side Effects of Acupuncture de Sara Calabro.

Fibromialgia Tem Cura? Confira algumas dicas para tratamento de fibromialgia.

Postado em

fobromialgiaTalvez você não saiba o real motivo por sentir tanta dor muscular, isso pode estar ligado diretamente a uma doença cronica, conhecida como fibromialgia.

É uma síndrome comum em que a pessoa sente dores por todo o corpo durante longos períodos, com sensibilidade nas articulações, nos músculos, tendões e em outros tecidos moles.

Está diretamente ligada também à fadiga, distúrbios do sono, dores de cabeça, depressão e ansiedade.

Pesquisadores acreditam que a síndrome é causada por um descontrole na forma como o cérebro processa os sinais de dor.

Causas

As causas ainda são desconhecida mas existem vários fatores que estão frequentemente associados a esta síndrome. Confira:

fibromialgiaGenética: essa doença é muito recorrente em pessoas da mesma família, o que pode ser um indicador de que existem algumas mutações genéticas capazes de causar a síndrome.

Infecções por vírus e doenças autoimunes também podem estar envolvidas nas causas.

Distúrbios do sono, sedentarismo, ansiedade e depressão também podem estar ligados de alguma forma à síndrome.

Fatores de risco

Os médicos alertam para alguns fatores de risco que facilitam o surgimento desta doença. Confira:

fibromialgiaSexo: a síndrome é mais comum em mulheres do que em homens, em especial naquelas entre 20 e 50 anos.

Histórico familiar: a doença é recorrente entre membros de uma mesma família, indicando que talvez exista algum fator genético envolvido nas suas causas.

Confira os principais sintomas da doença:

Dor generalizada: é constantemente descrita como uma dor presente em diversas partes do corpo e que demoram pelo menos três meses para passar.

Fadiga: pessoas portadores dessa síndrome frequentemente acordam já se sentindo cansadas, mesmo que tenham dormido por muitas horas.

O sono também é constantemente interrompido por causa da dor, e muitos pacientes apresentam outros problemas relativos ao sono, a exemplo da apneia e insônia.

Dificuldades cognitivas: para os portadores, é mais difícil se concentrar, prestar atenção e focar em atividades que demandem esforço mental

Dor de cabeça recorrente ou enxaqueca clássica, dor pélvica e dor abdominal sem causa identificada (Síndrome do intestino irritável)

Problemas de memória e de concentração.

Dormência e formigamento nas mãos e nos pés
Palpitações.

Redução na capacidade de se exercitar.

Fibromialgia Tem Cura?

O tratamento é mais eficaz quando são unidos medicamentos e cuidados não medicamentosos.

O foco é evitar a incapacidade física, minimizar os sintomas e melhorar a saúde de modo geral.

O tratamento pode envolver:

acupuntura2-hg

Fisioterapia

Programa de exercícios e preparo físico

Métodos para alívio de estresse, incluindo massagem leve e técnicas de relaxamento

Terapia cognitivo comportamental.

Fibromialgia Tem Cura? Confira neste vídeo algumas dicas para tratamento de fibromialgia