religião

Religião e acupuntura: uma mistura que não deveria ser feita

Postado em

RELIGIÃO E ACUPUNTURA

God-and-scientist

É mais comum do que se imagina encontrar pessoas se perguntando (e nos perguntando) se acupuntura tem a ver com religião.

É preciso entender e deixar bem claro que a acupuntura é uma forma de terapia como outra qualquer.
Se baseia em estudos científicos e não entra no terreno do sobrenatural. Tudo é natural.

A acupuntura é uma técnica reconhecida pela O.M.S. (Organização Mundial de Saúde) e não possui vínculos com quaisquer crença como afirmam alguns menos instruídos.

Tentarei responder a alguns questionamentos mais comuns que observei em alguns anos de trabalho com a medicina chinesa.

1) Eu sou crente. Evangélico pode fazer acupuntura?
– Não só pode como deve. A inserção das agulhas no seu corpo não alterará a sua crença nem o seu Deus o castigará por isso.

2) Acupuntura é coisa de Deus?

ciencia-religiao
– Sim. Assim como a cirurgia plástica, a prótese dentária, fazer fisioterapia e  ir no cabeleireiro também o são.

3) Aquele símbolo Yin-Yang é coisa do diabo?
– Não. Não foi o diabo que fez aquele símbolo, até porque ele é bem mais antigo que qualquer escritura que cite o diabo como criatura (o símbolo tem 5.000 anos e o diabo bíblico não tem mais que 2.000 …).
O símbolo significa as duas forças que equilibram o universo e que o mantém funcionando em atividade constante.

4) Moxa (aquela erva queimada pra aquecer os pontos) é coisa de macumba?
– Não. Moxabustão nada tem a ver com cultos afros nem com qualquer outro culto pagão ou não.
A queima da erva apenas proporciona um aquecimento na superfície da pele fazendo com que o calor penetre no ponto escolhido pelo terapeuta.

5) Acupuntura é coisa de místico?

simbolo_acupuntura
– Não. Místicos gostam de acupuntura e não místicos também já comprovaram a sua eficiência.
Houve um período no qual a acupuntura ainda não era reconhecida como prática profissional. Nesse período, os acupunturistas eram , em geral, pessoas ligadas ao estudo das energias que regem o universo. Daí vem a ligação.

6) Os acupunturistas são místicos ou pessoas ligadas ao Budismo ou ao esoterismo?
– Os acupunturistas são profissionais qualificados por formação superior independente da sua crença.
Não há qualquer ligação entre a prática da acupuntura e a crença da pessoa que a pratica.

7) É preciso ter fé na acupuntura pra se curar?
– Com fé ou sem fé, a pessoa vai melhorar ou não.
O tratamento com as agulhas independe da fé , otimismo, confiança ou qualquer outro nome que se dê.
O resultado dependerá mais das condições orgânicas do paciente e da habilidade do profissional do que de qualquer outro elemento.

Anúncios

A Religião e o Homem

Postado em

As dez mais antigas e ainda hoje praticadas Religiões no Mundo

Taoísmotransferir1

A origem do Taoísmo ou pelo menos dos seus princípios fundamentais é atribuída aos ensinamentos do mestre chinês Lao Tse (velho mestre) um contemporâneo de Confúcio que viveu entre 604 e 517 a.C. . Sendo contemporâneo de Confúcio também Lao Tse viveu numa época de extrema tirania e violência a que se opunha ferozmente isto, levou-o aABANDONAR um cargo governativo que ocupava e a dirigir-se para a fronteira com o Tibete, rezam as lendas que quando se preparava para a atravessar a fronteira foi reconhecido por um amigo da guarda imperial que lhe disse que só o deixaria passar se Lao Tse escrevesse os seus ensinamentos num livro. Após três dias Lao Tse dirigiu-se ao amigo e entregou-lhe um livro a que chamou Tao te Ching (O caminho e princípios morais) no qual ensinava uma filosofia de vida ao povo. Após isto o guarda deixou passar Lao Tse que nunca mais voltaria à China.

Surgia assim o livro sagrado do posteriormente designado Taoísmo mas que nesta época apenas representava um livro com ensinamentos para a vida.

O Taoísmo religioso propriamente dito, apenas surgiu noDECORRER do século II a.C. com um discípulo de Lao Tse a desenvolver e proliferar os ensinamentos do mestre com inúmeras obras criadas ao longo da vida que deram transferir2verdadeiramenteINÍCIO à religião formando o Cânon do Taoísmo, esta religião passou então a ser conhecida como uma religião politeísta e anti-intelectual que leva o Homem a contemplar e aceitar as leis da Natureza sem tentar compreender o porquê de acontecerem, o como se manifestam, ou a forma de as evitar ou atenuar.

Pensa-se que estes ensinamentos de Lao Tse são em parte uma reacção contra o Confucionismo que prosperava naquela época e em que se ensinavam as pessoas a terem uma vida exemplar numa sociedade disciplinada onde se dedicassem aos ritos e suas tarefas específicas em oposição o Taoísmo ensinava que as pessoas deveriamEVITAR todo o tipo de obrigações e convívios sociais, levar uma vida simples e voltada para a Natureza se estes princípios se contradizem têm outros bastantes semelhantes sobretudo nos rituais e que serão demonstrados mais à frente.

Segundo os ensinamentos da religião o Tao é tido como o Deus criador e é considerado a única fonte do Universo sendo eterno e determinante de todas as coisas, consideram também que todo o Mundo é constituído pelos elementos opostos Yang (o bem, o masculino) e o Yin (o mal, o feminino) e que a harmonia só podeOCORRER quando há um equilíbrio entre estas duas forças no homem estando assim em comunhão com o Tao.

Entre as práticas religiosas do Taoísmo encontram-se:

transferir3O Culto aos ancestrais e outras divindades naturais (muitas destas divindades foram em vida pessoas que detiveram grandesPODERES e realizaram heróicos feitos); a estas divindades são oferecidos alimentos e orações em troca das suas bênçãos. Alguns exemplos das divindades mais veneradas são: Shou  Hsing (deus da longevidade), Lu Hsing (deus da riqueza) e Fu Hsing (deus da felicidade);

Os rituais de exorcismo onde os sacerdotes dirigem rituais públicos durante os quais eles submetem as orações do povo aos deuses e onde o sacerdote principal se encontra em transe e se dirige a outras divindades paraPEDIR bênçãos para o povo e tenta com dádivas expulsar os demónios da terra;

a alquimia onde os monges através de ervas,PLANTAS específicas e orações aos espíritos fabricam medicamentos para fins de cura de inúmeras doenças e expulsão de espíritos maus;

Por fim o último rito das crenças taoistas é o culto da magia onde se procura por meio de orações e interferências de espíritos a realização de fenómenos inexplicáveis entre eles o fenómeno da adivinhação.

Actualmente o Taoísmo está dividido em dois ramos o filosófico que se diz ateísta e leva o homem ao exercício dos taoismoinstintos e da imaginação e o ramo religioso que é politeísta, idolatra e exotérico (consulta os mortos), possui escrituras sagradas sacerdócio hereditário e templos e desde o século V d.C. que incorporou a crença no céu e no inferno e a veneração a Lao Tse.

Conta actualmente com mais de 3 mil monges e inúmeros templos sobretudo em Hong-Kong e tem mais de 20 milhões de adeptos em todo o Mundo.

Respostas rápidas sobre o Taoísmo

  1. Quem fundou esta religião?

Lao Tse (velho mestre), um contemporâneo de Confúcio que viveu entre 604 e 517 a.C.

 

  1. Qual o livro sagrado do Taoísmo?

TaoTE Ching (o caminho e os princípios morais) que começou por ser um livro que ensinava uma filosofia de vida.

 

  1. Quando surgiu propriamente dito o Taoísmo religioso?

Surgiu no século II a.C. através de um discípulo de Lao Tse que proliferou os ensinamentos do mestre com inúmeras obras ao longo da vida e que deram origem ao Cânon Taoista.

 

  1. O queDEFENDE o Taoísmo?

Que as pessoas se devem abster de todas as obrigações e convívios sociais eLEVAR uma vida simples voltada para a Natureza. Pensa-se que surgiu em oposição ao Confucionismo que defendia uma vida em favor da comunidade.

  1. Quais as principais virtudes defendidas por esta religião?

As Três jóias, compaixão moderação e humilhação. São ainda virtudes importantes a bondade, a delicadeza e a simplicidade.

  1. Que práticas religiosas possui o Taoísmo?

O culto ao Tao tido como o deus criador do Universo, o culto aos ancestrais e a inúmeras divindades naturais, os rituais de exorcismo e o culto da magia para a criação de medicamentos e para a prática da adivinhação.

Publicado por areligiao